Yuri Gorbachev









Confraria dos Poetas: www.confrariadospoetas.com.br

Casa das Estrelas Ciganas: http://www.casaestrelasciganas.com


***


8 comentários:

Olga Sílvia Pereira disse...

Maravilha, maravilha esta passagem abençoada. A cada dia aprendo mais e conheço mais. divina poesia de Éric Meirelles e esta arte de Yuri Gorbachev me emocionou profundamente. Estou conhecendo artistas de primeira linha neste Blog. Parabéns Fada do Mar Suave, por nos brindar com sabedoria e cultura.

Olga Sílvia

Gabriela Peres disse...

Eric, suas poesias são todas lindas! São versos contemporâneos e bem delineados. Este artista russo eu não conhecia e gostei do movimento e cores das telas.
Adorei! Um abraço grande e boa noite.

Gabriela Peres

Ana Clara Couto - couto.anaclara@gmail.com disse...

Mais um belíssimo dia de Blog. A poesia está fantástica e a arte muito bonita.Parabéns que está lindo mesmo.

Anônimo disse...

Uma música que enebria, rememora ao recordar bons tempos de cultura, ação e unidade, embora em tempos tristes. Hoje aqui tudo mais calmo e sereno e vai brotando, brotandô o mais lindo Blog. Templo de poesia, arte, amor, carinho com o próximo em tempos turvados, sem clarezas. Aqui o coletivo fala mais alto e traz paz para quem ainda acredita no ser humano.
Grata, gratíssima querida Fada do Mar que é tão suave e doce.
Parabéns pela escolha dos artistas.
Lúcia Lima

Hebert Augustus disse...

Belo, belíssimo!!! Bravo, bravíssimo!!! A mais pura arte, poesia e música. Viajo em primeira classe neste voo de sons, poesias, arco-íris de cores, amores e perfeição neste céu azul.

Hebert Augustus

Nicolas disse...

Um toque colorido que veio brilhar e irradiar amor pela vida, unindo o belo, o útil e o agradável. Parabéns pela sensibilidade e harmonia neste espaço.
Nicolau Santana

Felipe Mariano disse...

Que venha mais uma linda semana, com muita arte, poesia, música, amor e paz.
Parabéns pela arte postada nesta semana que já passa. Obrigado por reportar perfeiçã e beleza.

Fábio Gomes disse...

O Blog que traz o mundo das artes em nossas mãos. A estética da poesia, a visual e a musical que marca tempos e provoca curiosidade aos amigos que nesta fonte bebem.

Cristiano Peixoto e Fabio Gomes