Richard S. Johnson



Richard S. Johnson

Nascido em Chicago de uma família de artistas, suas reminiscências mais remotas o ligam aos livros de Charles Dana Gibson, N.C. Wyeth, e John Singer Sargent em tardes chuvosas. Ainda na escola, ganhou uma bolsa do prestigioso Art Institute of Chicago. Mais tarde, cursou a American Academy of Art e, depois de formado, iniciou bem sucessida carreira como ilustrador.
Voltando suas atenções para as artes plásticas após vencer uma competição da International Artists Magazine, Rick foi convidado ao Japão, onde fez tanto sucesso que foi convidado inúmeras outras vezes e desenvolveu uma base internacional de clientes e colecionadores. Também conquistou vários prêmios nos Estados Unidos, como o Award of Excellence, dos Oil Painters of America em 2003.
Talvez o termo que melhor descreva seu trabalho seja “Intimidade Poética”. Suas pinceladas firmes, o uso das cores e a delicada composição do corpo e fisionomia humanos criam um trabalho em harmonia que se recusa a chamar a atenção por si só por seu virtuosismo técnico, mas atraem o expectador para uma conscientização de que dividem um momento sereno e contemplativo; que a luz sobre os personagens também os acaricia.










A outra vida


Não espero outra vida, depois desta.
Se esta é má
Por que não bastará aos deuses, já,
A pena que sofri?
Se é boa a vida, deixará de o ser,
Repetida.







Um comentário:

Fada do Mar Suave disse...

Queridos amigos, por um erro operacional 100 mensagens foram apagadas e não consegui resgatá-las o que deixou-me triste. Peço que desculpem o transtorno e agradeço a participação! Voltem sempre que é uma alegria! Beijosssss