Pierre-Auguste Renoir





O Gato





Com um lindo salto

Lesto e seguro

O gato passa

Do chão ao muro

Logo mudando

De opinião

Passa de novo

Do muro ao chão

E pega corre

Bem de mansinho

Atrás de um pobre

De um passarinho

Súbito, pára

Como assombrado

Depois dispara

Pula de lado

E quando tudo

Se lhe fatiga

Toma o seu banho

Passando a língua

Pela barriga.




Vinícius De Moraes


2 comentários:

Analuka disse...

Delicioso, o passeio pelo teu blog, querida Fada do Mar! O que ofertas a teus visitantes é um presente primoroso, pois está bela a seleção de imagens, textos e fundo musical! Uma perfeita, tocante e alegre celebração à Vida, à criança que deve existir em nós, para que possamos sonhar, acreditar e desejar, sempre de novo, descobrir a mágica da existência! Tudo lindo aqui, querida. Beijos encantados!

Anônimo disse...

ESTAVA PRESISANDO FAZER UMA PESQUISA E SEU BLOG AJU DOU MUITO