Akira Blount









Beija- flor


Se um desejo me fosse dado amor
Eu pediria para ser aquela flor
Que toda manhã se perfuma pra ganhar
O carinho do seu pássaro beijador

E ao fim da tarde ele voltaria
Numa fada eu me transformaria
E uma revoada aconteceria
Na noite onde o amor madrugaria



Bernadette Moscareli

5 comentários:

Alminha Iluminada disse...

Lindo, demasiadamente lindo!

Roberta disse...

Sensibilidade e carinho expressos nestes posts tão lindos!!Parabéns Bê,Fada e Akira B.!
Bjs

katerine-zucon disse...

Muito lindo!

Arabela Serra Negra disse...

Parabéns pelo maravilhoso blog. Muita sensibilidade para captar imagens e poesias que jorram delicadeza e amorosidade. Uma riqueza de vivências ingênuas, naturais que faz muito bem ao espírito. Mágico!

Fada do Mar Suave disse...

Agradeço aos amigos que nos visitaram, deixando seus comentários estimulantes. Isso é energia para todos nós, principalmente os poetas e artistas que apresentamos. Voltem sempre, é um prazer enorme encontrá-los a cada postagem.
Com todo o carinho,

Fada do Mar Suave