Sergio Lucena



Contemplação...



Gosto de olhar à volta

e ver o dia acontecendo,

sincronizado ou não,

Amanhecendo...

A sós comigo, ando,

levito em calma,

observo o mundo,

convoco minh´alma.


Cada destino se cumpre,

anda gente, anda o carro,

pro trabalho homens correm,

crianças que ainda dormem,

brincam o cão e o gato,

e atravessam a rua

quase nua...


Árvores, flores

de olhos abertos buscam o céu.

Preguiça gostosa, se abraçam

plantadas, bailando ao léu...

Como eu, vêm o dia clareando

acontecer...quase sem perceber.

Aguardam o sol

se põem a lua, as estrelas,

o anoitecer...


Meus olhos parados,

atentos a cada piscada.

Suspenso, suspiro,

sou feliz

por isso...



Gaiô...


Sou Cida Gaiofatto (Gaiô), de Ribeirão Preto, S Paulo.

Como Arte-educadora,a expressão sempre foi fundamental

para mim.Além de desenhar, pintar, modelar, escrever

sempre fez parte de minhas preferências, complementando

meu mundo de expressão. Sou grande observadora em busca

de auto conhecimento e como tal faço constante leitura do

mundo em todas suas peculiaridades, privilegiando a percepção,

a sensibilidade, o espírito crítico, sendo o Ser Humano

minha busca constante no seu modo de se relacionar

com a existência...Tenho escrito textos e feito poemas com mais

constância o que me leva a procurar este espaço para expô-los,

partilhando com o outro, trocando experiências,

nos enriquecendo mutuamente...

http://recantodasletras.uol.com.br/autor.php?id=52118


27 comentários:

Arlete Felfeli disse...

Boa tarde, minha querida Fada!
Me comovi com esta linda poesia da Gaiô, aliás... adoro a sua poética.
Grande poetisa! Perfeita expressão! Adorei muito! Que lindo é "Contemplação" !!!
Mais lindo é contemplar este maravilhoso BLOG!
Parabéns , Gaiô! Adoro ler suas poesias!
Parabéns, FADA querida! Que maravilha trazer grandes artistas aqui!
Beijinhos!
Arlete Felfeli

Olga Sílvia Pereira disse...

Mais um dia de grande emoção. Conhecer artes e poesias de alto nível. Aqui é um oásis, uma benção que você nem imagina, o quanto aprendo e apreendo com este blog. Minha vida cultural mudou para melhor e está se elevando a cada dia.
Magistral Sergio Lucena, não tenho nem palavras para dizer o quanto me tocou e estas poesias de Gaiô são perfeitas, sensíveis e delicadas.
Parabéns! Continue semeando amor verdadeiro, um alimento para a alma.
Olga Sílvia

Ana Glaucia disse...

Bravíssimo! Grande talento Sergio Lucena, que pintura belíssima! Adorei as poesias que bailaram tão leve compondo com a arte.
Uma antologia este blog. Meu olhar imagético só agradece. Maravilha pura!!!

Ana

Alfredo Albino - M.G. disse...

Passo para saudar este excelente Blog de artes e poesias pela riqueza estética, poética, destes divinos mestres. Grande alma do artísta que com seu dom transmite magicamente o que existe em su eu mais profundo. Parabéns, Sergio Lucena, Gaiô e Fada do Mar Suave.
Alfredo Albino

João Júlio Diniz disse...

Sergio Lucena possui um grande caminho artístico,onde produziu grandes obras de artes, que faz-nos refletir sobre as várias linguagens e faces de uns dos mais conceituados artistas contemporâneo do Brasil.
A poesia de Gaiô é refinada, culta e sensível. Acabo de contemplar uma digna galeria e poesias.
Parabéns!
João Júlio Diniz.

Belissimo disse...

Várias e diferentes fases e modalidades de artes, tudo minuciosamente pensado e feito de forma perfeita em técnica e sensibidade. Estou pasmo diante desta galeria. Foi uma surpresa conhecer este artista, além de um belo homem.
As poesias de Gayô bateram fundo e embalaram meus sonhos. Maravilhosas escolhas para um maravilhoso Blog.
Parabéns!

aaaaaaaaaaaaaaaaaaaa disse...

Madrugada insone, um chamado orkutiniano e aqui cheguei e fiquei. Só qualidade, glamour e muita riquesa de mundo que está além deste.
Metafísica, Loucuras e Magias = Belo = Sagrado.
Excelência Sergio Lucena, Gaiô e Fada do Mar.
Bravo!

Ana Clara Couto coutoanaclara@gmail.com disse...

Fiquei emocionada com as poesias de Gaiô e este encontro com Sergio Lucena, com suas dadivosas obras de artes. Um encontro que fazem da arte um mandamento sagrado.
Abraços fraternos de Ana Clara

A dúvida da ovelha disse...

Sinto-me representada com esta tua viagem Fada, ao mundo fantástico da arte, poesia e cultura.
Você é brilhante ao trazer a arte e a poesia pura, íntegra, sem mascaramentos o que é de grande-valia neste vale-tudo das comunicações.
Aqui conforto-me com a qualidade ímpar de seus escolhidos e favoritos.
Grandeza de alma e de honra.
Gabriela

Fernando Maione disse...

Fada,adorei Gaio,me lembrei de Gaia.beijo sabor natureza.

GAIA

A terra fala
através dos poros
de nossa pele.
Apesar de tudo ela ainda confia, somos os seus grandes lábios.
Algumas crianças ainda são um templo, agem aqui, com os pés na eternidade.
Raríssimo adultos tem a porta aberta.
Uma grande massa vagueia pela estrada comum.

Um canto brota do silêncio, são os poetas que chegam com seus estandartes

Os poetas cantam o que vêem:
Temos as divindades sobre nossas cabeças!
A terra tem uma boca,
e, toda manhã, ela diz: vem! Ela tem ouvidos também,
... Quem mergulhou em seu escutar e não ouviu a música das estrelas?

Nicolas disse...

Hoje experimentei um gosto diferente de artes e tive um encontro com o que há de mais belo e rico neste universo das artes. A poesia de Gaiô emana raios solares, fibras óticas e ilumina que aqui está.
Tudo lindo e iluminado. Gratidão e adoramento.
Nicolau Santana

Nicolas disse...

A alma e a alegria da humanidade encontro neste blog em que funde com perfeição a poesia e a arte. O mundo ri e fica feliz neste momento. Agradeço a Sergio Lucena, Gaiô e a querida Fada que abriu este espaço romantico, amoroso e querido.
Nicolau

Anônimo disse...

BElÍSSIMOOOOOO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
ARTE X POESIA = AR. O MELHOR PARA RESPIRARMOS COM LEVEZA E SER SAUDÁVEL. É TUDU DE BOM EM NOSSAS VIDAS.
PARABÉNSSSSSSSSSSSSSSSS!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Bruno Rocha Ribeiro disse...

Vim, olhei, constatei, amei, voltarei! bela, sensibilidade, novidade, curiosidades, antologia, maiêutica e LUZ. Luz na poesia de Gaiô, na arte de Lucena e no brilho da suave Fada.
Honra ao Mérito!

Meus Riscos disse...

Fada Mar e Gaio
Meus parabéns as duas é uma viagem poética os poemas.
Graciela

Cida Gaiofatto disse...

À Fada do Mar Suave.

Querida formatadora de sonhos...
Quero meditar...
acender a luz do coração...
Incendiar meu ser,
de querer, entender
o essencial por viver...
E me vem a Fada,
com seu toque de mar,
suave, doce versejar,
magia de tudo poder,
em atos conexões,
estéticas formatações,
compondo histórias,
incrustadas,
de preciosas memórias
que perpassam toda sorte de pessoas,
que se encontram acontecendo,
cada qual no seu sentir, conviver.
E você, amada fada,
vai passando de mansinho, se abrindo
ao perceber, de amar, se doar,
no fazer acontecer...
Grandes bênçãos se derramem
ao sagrado que acontece
em cada gesto ou palavra
que desperta a criação...transcender...
Te recebo, te acolho, te amo,
sem nunca ter te visto,
agradeço à vida tanto,
por ser eu, junto a você...
Junto a todos que se unem
que perfazem...o conviver.

Beijos, Gaiô.

Cida Gaiofatto disse...

À Fada do Mar Suave.

Querida formatadora de sonhos...
Quero meditar...
acender a luz do coração...
Incendiar meu ser,
de querer, entender
o essencial por viver...
E me vem a Fada,
com seu toque de mar,
suave, doce versejar,
magia de tudo poder,
em atos, conexões,
estéticas formatações,
compondo histórias,
incrustadas,
de preciosas memórias
que perpassam toda sorte de pessoas,
que se encontram acontecendo,
cada qual no seu sentir, conviver.
E você, amada fada,
vai passando de mansinho, se abrindo
ao perceber, de amar, se doar,
no fazer acontecer...
Grandes bênçãos se derramem
ao sagrado que acontece
em cada gesto ou palavra
que desperta a criação...transcender...
Te recebo, te acolho, te amo,
sem nunca ter te visto,
agradeço à vida tanto,
por ser eu, junto a você...
Junto a todos que se unem
que perfazem...o conviver.
Juntando luz...em ser...

Beijos, Gaiô.

Maria Augusta Riceli disse...

Fada

Estou sem fôlego com a exuberância das obras de artes de Sergio Lucena. São valiosas por demais, por estar além de nossos sentidos. E as poesias de Gaiô são desconcertantes por sua sensibilidade, inteligência e beleza.
Parabéns!!! Sensacional!!!

Eduardo Ramos disse...

Estas artes e poesias são de uma sensibilidade absurda, de uma criatividade imensa, que toca o homem no mais profundo de seu ser.Uma galeria de beleza poética rara,de magia e encantamentos.
Sergio Lucena e Gaiô,emanam emoções que saem de seus corações e mentes brilhantes.
O meu mais profundo respeito.
Eduardo Ramos

Anônimo disse...

Muito lindo seu blog, tocou profundamente na alma. Adorei todas as postagens e vou continuar aqui para ver as galerias e depois copiar as poesias. voltarei sempre.

Regiane Clara disse...

Passeando pelos blogs, encontrei a Fada do Mar Suave, independente das poesias o Blog é uma poesia, regado de beleza e um tempero raro de se encontrar.Aqui a vida pulsa e transborda felicidade. Um lugar calmo, cheio de magias de contos de fadas. Uma maravilha, uma benção.
continuarei aqui e já parabenizo toda arte e poesia aqui postado.
Regiane Clara

Amauri F. Jr. disse...

Gostei deste canto cheio de harmonia e graça.
A qualidade das postagens é AAA, e supera o bom gosto. Sempre tem novidades e nunca perde o tom sofisticado e o nível elevado.
Estas profundas palavras nos versos de Gaiô, cairam como uma luva para acompanhar a arte, que diga-se de passagem é ARTE, de sabedor em fazer ARTE. Sinto-me num oásis quando aqui adentro e o difícil é sair deste estado de contemplação.
Parabéns a todos que fazem deste canto um encanto raro.

Ana Clara Couto coutoanaclara@gmail.com disse...

Aconchego-me neste ninho e sinto-me uma poesia. É incomensurável a beleza que emana desta união de artes que soam como raios de amor.
Sinto o aroma das tintas de Sergio Lucena e as notas musicais dos versos de Gaiô. Fico quietinha como dentro de uma bolsa de água, protegida pelo encontro do amor mais puro e belo.
Minha Fada madrinha, que com sua varinha de condão, plantou sementinhas mágicas, que aqui florescem e encanta.

Greta Íris disse...

Olá, fadasuave

Imagens Lindas e inspiradoras. Poesia e música maravilhosa. Beijão!

Maria Flor disse...

Viajando pelo espaço colorido, sonoro, harmonioso, relaxante e belo. Uma viagem inesquecível. A verdadeira arte nos transporta a mundos ricos e inusitados.
Admirável Blog da Fada que apresenta Artistas que são verdadeiramente Artistas. Bravo!!!

Belíssimo!!! disse...

Fada do Mar

A arte e a poesia são de quem as faz, mas quem os revela é um ser de extraordinária sensibilidade, que também é um artista.
E este é o seu caso. Que Deus ilumine sempre a Arte e a Poesia sobre este Blog.

Fada do Mar Suave disse...

Gaiô e Sergio Lucena

Dentro da solidão tão necessária, que exige o processo de criação, surge uma maravilhosa conexão, que muitas vezes não sabemos explicar, o porquê, alguns encontros acontecem. Encontros cheios de sentidos já que envolvem sentimentos, vivências e crescimento , como se estivéssemos juntos, num mesmo caminho, para cumprir uma missão.
Há uma sincronia de pensamentos e desejos, como se fôssemos almas companheiras que precisamos partilhar e assim nos sentimos inteiros.
Dia 14/09/2009 = 7, será um dia especial e cheio de alegria e beleza.
Considero um presente divino tê-los perto, neste canto, que transborda arte e poesia, convidando a todos ao mundo feliz da imaginação e do saber.
Com muito carinho da Fada do Mar Suave.