Catherine Abel







PIPA E PIÃO


que seu passar seja imagético
como são imagéticas
a sensualidade de teu cheiro
na minha imaginação:
- as imagens do teu corpo perfumado
distribuído em curvas atordoantes
de cá pra lá
de lá pra cá
flutuam na minha cabeça
como uma pipa que
vai ao céu
e volta
vai ao céu
e volta
até quebrar a linha e se entregar
rodopiando
rodopiando
à linha do horizonte sem curvas


Oswaldo Antônio Begiato

Um comentário:

Fada do Mar Suave disse...

Oswaldo Antônio Begiato, grande poeta e querido amigo, agradeço sua gentileza em contribuir com o Blog. Sua página é sempre um sucesso, pois suas poesias a todos encantam e emocionam e sua presença marcante traz brilho a este espaço. Logo faremos uma nova jornada poética, para o deleite de nossos amigos visitantes.
Com muito carinho da Fada do Mar Suave.

Aos amigos visitantes meu eterno carinho, pois são suas visitas que me estimula a continuar buscando pelo licor do belo para brindarmos juntos.
Beijos a todos com muito amor.