Arte por Jean da Silva



Amor Bastante


quando eu vi você
tive uma idéia brilhante
foi como se eu olhasse
de dentro de um diamante
e meu olho ganhasse
mil faces num só instante



basta um instante
e você tem amor bastante



um bom poema
leva anos
cinco jogando bola,
mais cinco estudando sânscrito,
seis carregando pedra,

nove namorando a vizinha,
sete levando porrada,
quatro andando sozinho,
três mudando de cidade,
dez trocando de assunto,
uma eternidade, eu e você,
caminhando junto





Paulo Leminski


Um comentário:

Fada do Mar Suave disse...

Jean da Silva
Agradeço sua gentileza ao contribuir com este Blog. Sua arte é realmente fascinante e a galeria ficou belíssima. No momento em que homenageamos o Paulo Leminski, você trouxe uma luz especial nesta união da poética visual e escrita.
Continue sempre colorindo e embelezando a vida com sua seu ofício artístico que é uma benção. Aqui desejamos a você muito sucesso e sorte em sua carreira.
Agradeço também a participação de todos os amigos que aqui deixaram suas mensagens e a beleza da poesia de Paulo Leminski.
E, a amiga Cristiana Coeli Goldie, por trazer o talento de Jean da Silva para enriquecer este espaço de artes e cultura.
Com muito carinho da Fada do Mar Suave.