Arte por Jean da Silva


milagre de inverno

agora é ouro

a água das laranjas

coisas do vento

a rede balança

sem ninguém dentro


tarde de vento

até as árvores

querem vir para dentro

morreu o periquito

a gaiola vazia

esconde um grito

..................

tudo claro

ainda não era o dia

era apenas o raio

....................

lua crescente

o escuro cresce

a estrela sente



"...a poesia está dentro da vida, e não a vida dentro da poesia."



Paulo Leminski

Um comentário:

Fada do Mar Suave disse...

Jean da Silva
Agradeço sua gentileza ao contribuir com este Blog. Sua arte é realmente fascinante e a galeria ficou belíssima. No momento em que homenageamos o Paulo Leminski, você trouxe uma luz especial nesta união da poética visual e escrita.
Continue sempre colorindo e embelezando a vida com sua seu ofício artístico que é uma benção. Aqui desejamos a você muito sucesso e sorte em sua carreira.
Agradeço também a participação de todos os amigos que aqui deixaram suas mensagens e a beleza da poesia de Paulo Leminski.
E, a amiga Cristiana Coeli Goldie, por trazer o talento de Jean da Silva para enriquecer este espaço de artes e cultura.
Com muito carinho da Fada do Mar Suave.