Balthus




RESPONDA-ME



Desde quando falamos só o que devemos?
Desde quando fazemos só o que queremos?



Desde quando temos apenas sonhos?
Desde quando somos totalmente verdadeiros?



Desde quando alguém nos entende?
Desde quando de alguém entendemos?



Desde quando somos só simpatia?
Desde quando somos só nostalgia?


Desde quando somos justos?
Desde quando somos mudos?



Desde quando somos ocos, moucos?
Desde quando somos loucos?



Desde quando somos bobos?
Desde quando somos rôtos?



Desde quando somos lordes?
Desde quando somos pobres?



Desde quando tudo é poesia?
Desde quando não sentimos agonia?



Desde quando o amor é só alegria?
Desde quando a vida é toda certinha?



Ysolda Cabral



Poeta Ysolda Cabral


Uma pessoa que chora e ri de alegria, tristeza, ou saudade sem nenhum pudor. Mas... Anote: brasileira, nascida no "país de Caruaru-PE. Secretária Executiva, estudante de Direito e uma eterna sonhadora. E, ainda, mãe de Yauanna, a mais linda e perfeita filha que uma mãe já sonhou.



Para adquirir o "Apenas Poesia" só através da Editora LivroRápido - site:
http://loja.tray.com.br/loja/produto-32653-70170-apenas_poesia__ysolda_cabral

www.ysoldacabral.blogspot.com/

http://recantodasletras.uol.com.br/autor.php?id=39114



7 comentários:

Igor Santos Lima disse...

Nossa, teu Blog é muito interessante e massa.
Adorei Balthus! Este cara é muito doido, pintando estas Lolitas. Um alimento afrodisíaco para nossa alma. Faço arquitetura e meu professor João Eduardo, indicou este espaço. Ele acertou mesmo. Voltarei sempre aqui. Pedra preciosa, aguardente raro.
Obrigado!!!
Igor Santos Lima

Gabriela Cunha disse...

Simplesmente divino! Não tenho palavras, só gratidão e a mais sincera admiração.
Gabriela

Nicolas disse...

Fantástico! Beleza raríssima nas telas e nas poesias. Parabéns!

Analuka disse...

Caríssima Fada do Mar, está adorável esta tua nova postagem!!! Um doce deleite, onde suavidade e sensualidade se combinam com perfeição, tanto nas imagens quanto nas letras poéticas! Estou aqui apenas "aperitivando", mas em breve voltarei para saborear sem pressa as pinturas e poemas selecionados... Parabéns, sempre de novo, pelo primor do que ofertas aos visitantes de teu blog, amiga! Uma delícia estar aqui... Beijos pintados!

Eriem Ferrara disse...

Poetisa Ysolda conhecer um pouco mais da sua poesia me fez crecer em sensibilidade e inspiraçao, agradeço a oportunidade do enriquecimento poético/literário. Parabéns poetisa, que Deus conseve em ti toda essa candura d'alma e coraçao!... Bjs.

Anônimo disse...

Lindas poesias, artes e música. O Blog como um todo é fenomenal. Volterei sempre!

Fada do Mar Suave disse...

Querida poeta Ysolda

Sua poesia enobreceu este espaço com sua sensibilidade, delicadeza e beleza. Foi maravilhoso tê-la nesta página compondo com a beleza da poética visual de Balthus.
Agradeço de coração, sua contribuição para este espaço que leva o que há de melhor na poesia e na arte para o deleite de nossos visitantes.
Sei que todos que passaram por aqui levaram consigo a magia e a beleza de seus versos e rimas.
Agradeço também aqueles que deixaram seus registros enaltecendo nossos artistas.
Um grande abraço da Fada do Mar Suave.